domingo, 6 de maio de 2018

Metas para o Ano de 2018



Salve Blogfera, o ano já está chegando à metade mas como não pude fazer antes o registro, deixarei traçado aqui as metas que estarei me comprometendo a cumprir até o final do ano. E com certeza elas me deixaram um pouco melhor em algum sentido, todas bastantes realistas, mas que exigem algum esforço para que sejam cumpridas!







E lá vamos a elas:

  • Financeira:
    • Finalizar o ano com mais de 60k
    • fazer aportes médios de 2000 temers de Maio a Setembro
    • Manter aportes de 3k nos meses de Jan, Fev, Mar, Abr, Out, Nov e Dez, totalizando 31 k de aporte Anual

·         Estudos:
    • Leitura de 2 livros por mês
    • Voltar a estudar para concursos


  • Pessoal:
    • Fazer um passeio/viagem diferente a cada trimestre
    • Reatar alguns laços familiares
    • Reatar algumas amizades
    • Praticar atividade física pelo menos dia sim dia não, ou seja, 15 dias/mês
    • Manter ao menos uma postagem quinzenal aqui no blog
    • Tocar um instrumento musical ao menos uma vez na semana
Bom pessoal, por enquanto é isso. Espero que chegue lá inteiro no final rsrs
Forte abraço!!


terça-feira, 1 de maio de 2018

Evolução do patrimônio em Abril de 2018

Evolução do patrimônio em Abril de 2018

Salve Blogsfera..

Chegamos ao fim do mês e lá vamos nós ao primeiro balanço de fechamento, e o melhor, com resultados positivos!!

P.s: Estamos em processo de aprendizado para formatações das postagens.

A divisão da Carteira é a princípio para demonstração somente alocações de Renda Fixa e Variável. Dentro da Renda Fixa temos LCis, LCas, Títulos do Tesouro para médio e longo prazo, CDBs Pré fixados 10% a.a e CDB liquidez diária.

Em Renda variável as alocações estão divididas em ETFs, Fundos de ações, Multimercados e ações.
Basicamente temos 50-50 RF e RV, aumentando a proporção na renda variável com os futuros aportes. A meta inicial é aportar 1000 em TD e o restante em Ações ou FIIs, que ainda não estão na Carteira. No início do ano conseguimos grandes aportes, mas de Maio até Setembro os aportes serão afetados, pois com o período out-inverno, é diminuída as possibilidades de obter Renda extra. Somente a Restituição do IR poderá dar um help nesse período.

Os valores são referentes a data de entrada, então não pode-se avaliar como a rentabilidade no período, apenas uma parcial desde o início.

Em outro post comentarei sobre a composição da carteira e as mudanças que serão feitas para o mês de Maio, me aprofundei um pouco em Abril e foi muito relevante para minha mudança de mentalidade para o investimento em Ações. Tudo será relacionado aqui.

Desde Já espero que acompanhem, qualquer dúvida, comentário ou sugestão será muito bem aceita.

Forte abraço!



terça-feira, 24 de abril de 2018

Como tudo começou e primeira referência.

Eae rapaziada da blogsfera blza???

Hoje irei relatar um pouco sobre como se deu minha entrada no mundo dos investimentos, o que de fato foi o fator principal para a mudança de mentalidade e quem  me ajudou nessa mudança de filosofia de vida. Apertem os cintos e vamos nessa!
Bom, sempre tive uma vida muito simples, nunca tive aspirações em ser rico ou algo do tipo, não nasci em berço de ouro, mas sempre tive a sorte como aliada. Com 18 anos consegui ser aprovado em um concurso público após estudar de modo ininterrupto por 4 meses seguidos. Porém ano passado prestes a completar 7 anos no referido emprego, me acometeram algumas questões que me assombraram um pouco. Mesmo Tendo conseguido comprar meus bens de consumo, ainda não tinha conseguido adquirir minha casa própria: A cereja do bolo da tradicional sociedade brasileira.
Quando você tem seu imóvel soa como se tivesse chegado ao ápice da evolução pessoal. Então comecei desesperadamente a busca pelo imóvel perfeito e paralelo a isso procurei algumas maneiras de gerar renda extra. Foi então que no mês de novembro de 2017 durante as férias, encontrei o imóvel que se encaixava à minha realidade, mas ainda faltava o principal: o DINHEIRO.
Como não tinha o valor para pagar a casa à vista, estava prestes a seguir a manada e como grande parte da população brasileira iria cair no FINANCIAMENTO IMOBILIÁRIO. Sempre achei inadmissível se perder dinheiro com taxas de juros, mas pra ter minha casa, não teria jeito seria dessa maneira mesmo. Foi então que na comodidade da minha poltrona em frente ao notebook entrei no site da CAIXA e fui fazer algumas simulações. O resultado foi espantoso e extremamente desestimulante.


Tendo como base a tabela acima sem nos aprofundar muito em outros gastos e taxas inerentes ao imóvel, Foi isso mesmo iria financiar  125 mil e pagaria míseros 322K e engordaria a conta da CEF e emagreceria a minha. Imagina o baque dessa escolha para o restante da minha vida.

Foi então que procurei alternativas a isso e caí em um vídeo sobre alugar ou financiar no Canal do PRIMO RICO. Vi algo sobre investimentos, que alugar seria a melhor opção e então procurei me aprofundar no assunto, no início era muito confuso, até que então descobri um canal super hiper mega blaster topper!! o INVESTIDOR LEIGO, do Tawan Tayron. Pensa num cara Iluminado. Ele é o meu PAI rico dos investimentos e nem sabe. Infelizmente ele teve alguns problemas no doutorado e teve que parar de gravar os vídeos. E a partir daí eu fui me aprofundando por conta própria seguindo os seus ensinamentos. E hoje estou aqui, compartilhando um pouco e aprendendo muito.

Por hoje é só, Um forte abraço a todos!

domingo, 22 de abril de 2018

O começo

Olá pessoal...
esse blog tem o intuito de contar toda minha evolução financeira, os motivos que fizeram começar, fatores que influenciaram, métodos para economizar, as referencias que tenho, os blogs que sigo, meus primeiros investimentos, as experiencias boas, as não tão boas também e por aí vai.

Me identifiquei muito com a primeira postagem do INVESTIDOR E REALISTA, as pessoas no nosso meio tem certo preconceito com relação à mentalidade poupadora, pensam ser algo utópico ou que não vá ser recompensador. Isso acaba sendo péssimo pois não temos com quem compartilhar nossas alegrias, experiencias e frustrações com relação a busca da independência financeira. Percebo que a sociedade atual demoniza muito o dinheiro como cita frequentemente o Bruno Perini do blog Você mais Rico, e aqui na blogsfera encontramos pessoas que comungam dos mesmos objetivos e em prol do bem comum da independência financeira.

Sou funcionário publico, 28 anos, e o meu emprego será a fonte principal dos meus aportes, possuo também uma renda extra que é advinda de um ensaio de empresa voltada á minha área de graduação, como está em período inicial traz poucos lucros, mas já ajuda muito nos aportes mensais.

Nos próximos posts contarei mais sobre as técnicas que utilizo para guardar mais dinheiro ao longo do mês, a composição e evolução da minha carteira, as ações que observo e muito mais. Espero que gostem e qualquer dúvida, dica e sugestão será sempre  bem vinda!

Forte Abraço!